cobertura-eduardo-jardim-lanca-livro-junto-fbn-sobre-obra (1)

Eduardo Jardim

Eduardo Jardim nasceu no Rio de Janeiro em 1948 e atuou por 40 anos como professor da Pontifícia Universidade Católica (PUC-Rio), instituição pela qual graduou-se em Filosofia e cursou o mestrado, que resultou no livro A brasilidade modernista: sua dimensão filosófica. É doutor pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), cumpriu estágio pós-doutorado na Alemanha, em 1987, momento no qual aprofundou-se no estudo de Hannah Arendt e Octavio Paz, sobre os quais escreveu A duas vozes – Hannah Arendt e Octavio Paz e Hannah Arendt – Pensadora da crise e de um novo início. Também sobre o Modernismo lançou as obras Limites do moderno: o pensamento estético de Mário de Andrade e Mário de Andrade: a morte do poeta.